Julio Urrutiaga Almada
Só voa quem de céu é feito
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Poema de outras Luas

Sapatos molhados
Luvas envaidecidas
Pedras não talhadas
Mãos separadas
Olhos distantes
Alcançáveis
Eu o menino do tempo
Da calçada
Da folha em branco
Da lua nunca de ninguém
Eu nunca da lua
Perfurado de solidão
Sangrando ternura
Refletindo a escura
Dor densa da lua
Longe do amor.
Julio Urrutiaga Almada
Enviado por Julio Urrutiaga Almada em 22/01/2007
Alterado em 12/02/2007
Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Caderno de Ontem R$15,00
Em um mapa sem Cachorros R$15,00
Instantâneo Enlace R$20,00
O amor é um precipício do Cão R$15,00
Poemas Mal_Ditos R$15,00